26/09/2022 às 10h22min - Atualizada em 26/09/2022 às 10h22min

Centro de triagem de recuperação de animais silvestres deve ser implementado em Marituba

Implantação surgiu a partir do decreto 2.624/2022m publicado no Diário Oficial do Estado do Pará de 16 de setembro

Amaral Rosa, estagiário sob supervisão de Yuri Siqueira, jornalista

A unidade de conservação do Refúgio de Vida Silvestre Metrópole da Amazônia (Revis), localizado no município de Marituba, ganhará um espaço para recuperação de animais silvestres resgatados. Essa medida garante, que esses animais possam ser reinseridos à natureza após acompanhamento no futuro Centro de Triagem de Recuperação de Animais Silvestres (Cetras).

A implantação que surgiu a partir do decreto 2.624/2022, garante ainda a ampliação do Revis, publicado no último dia 16 de setembro, no Diário Oficial do Estado do Pará. 


Criado através do Decreto nº. 2.211 de 30/03/2010, o Revis, possui uma área de 6.367.27 hectares, que era propriedade particular da antiga Fábrica Pirelli, onde abrange 6,3% da área de quatro municípios: Ananindeua, Marituba, Benevides e Santa Isabel, zona de grande importância para o Estado do Pará por preservar parte dos 31% restantes de florestas da região metropolitana. O refúgio tem acesso através do Km 14 da BR 316, seguindo por mais 4 quilômetros na Estrada da Pirelli.

O primeiro Cetras na região norte do país foi inaugurado em fevereiro de 2021 na Universidade Federal Rural da Amazônia (Ufra), no local, são oferecidos atendimentos clínicos, cirurgias, exames laboratoriais e de imagem, e o internamento de animais selvagens doentes e vítimas de maus tratos, encaminhados pelos órgãos ambientais.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp