22/02/2023 às 22h00min - Atualizada em 22/02/2023 às 22h00min

Adepará confirma caso de mal da vaca louca no Pará

Jornal Pará

Divulgação/ Agência Pará
A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) confirmou nesta quarta-feira (22) que o teste em laboratório com uma amostra de um gado morto no Pará deu positivo para encefalopatia espongiforme bovina, conhecida como mal da vaca louca.

A Adepará afirmou que as 160 cabeças de gado estão isoladas, numa pequena localidade do sudeste do Estado. E que a propriedade foi inspecionada e interditada preventivamente.

A Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará) informa que foi positivo o resultado do caso suspeito de Encefalopatia Espongiforme Bovina numa pequena localidade do sudeste do Estado, em uma propriedade que tem 160 cabeças de gado  – já isolada pela Agência. A propriedade foi inspecionada e interditada preventivamente.

A sintomatologia indica que se trata da forma atípica da doença, que surge espontaneamente na natureza, não causando risco de disseminação ao rebanho e ao ser humano.
Para confirmar esta situação de isolamento e controle, amostras foram enviadas para laboratório no Canadá para tipificação do agente, se clássica ou atípica."
 

 A Adepará informou ainda que o governo do Estado afirma que está em contato permanente com o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), e “trata do tema com transparência e responsabilidade”.
 

ACOMPANHE O JORNAL PARÁ

Quer ficar bem-informado sobre os principais acontecimentos do Pará e do Brasil? Siga o Jornal Pará nas redes sociais. O JP está no Instagram, YouTube, Twitter e Facebook.


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp