28/11/2023 às 11h29min - Atualizada em 28/11/2023 às 11h30min

Marabá: Criminosos invadem festa e deixam 10 pessoas feridas

Atletas, dirigentes e torcedores do Cristal estavam comemorando o título.

Carlos Yury

Jornal Pará Publicidade 790x90

Reprodução / Redes sociais
Uma celebração pelo título de campeão do Copão das Folhas, um torneio de futebol amador em Nova Marabá, quase se transformou em tragédia na noite de domingo (25). Pelo menos quatro criminosos, dois deles armados, invadiram a casa de eventos localizada na Folha 33, onde a festa estava acontecendo, e dispararam contra os convidados. O resultado desse ato criminoso foi o ferimento de 10 pessoas, sendo seis adultos e quatro crianças. Nenhuma vida foi perdida.

Inicialmente, as vítimas foram encaminhadas para o Hospital Municipal de Marabá (HMM), e até o momento, nenhum dos feridos parece estar em risco de morte, de acordo com as primeiras informações.

LEIA MAIS: Vereador do PL suspeito de estupro se apresenta à polícia


Até a tarde desta segunda-feira (27), nenhum Boletim de Ocorrência (BO) havia sido registrado em relação ao atentado. Diante disso, a Polícia Civil tomou a iniciativa de registrar a ocorrência por se tratar de um crime de natureza pública.

Segundo informações da Polícia Civil, por volta das 21h30, os criminosos chegaram ao clube, e dois deles começaram a disparar na direção das pessoas. Os adultos atingidos estavam próximos à piscina, onde as crianças brincavam. O pânico foi generalizado, e crianças de 6 a 10 anos foram atingidas nos membros inferiores.

As vítimas relataram que os atiradores erraram muitos tiros, atingindo o chão, as paredes e o muro da casa de eventos. Um fator crucial que evitou uma tragédia ainda maior foi a presença de uma porta dos fundos, pela qual muitas pessoas conseguiram escapar. Se essa saída não existisse, as pessoas poderiam ter ficado encurraladas.

Ainda sugundo a polícia, tudo indica que na festa havia pessoas não diretamente convidadas (os chamados "convidados de convidados"), que possivelmente eram membros de alguma facção criminosa relacionada a um assassinato ocorrido no dia 18 em uma praça da Folha 33. Portanto, a polícia não descarta a possibilidade de o ataque de domingo ser uma represália pelo assassinato ocorrido no dia 18.

A Polícia Civil solicitou investigações e perícias preliminares, para utilizar imagens das câmeras de segurança da região para identificar os criminosos. Nas primeiras informações, foi indentificado um carro que supostamente teria sido usado durante o ataque, um Corsa Sedan modelo G3, fabricado entre 2008 e 2012, de cor clara.

Com informações de Correio dos Carajás

ACOMPANHE O JORNAL PARÁ
Quer ficar bem-informado sobre os principais acontecimentos do Pará e do Brasil? Siga o Jornal Pará nas redes sociais. O JP está no Instagram, YouTube, Twitter e Facebook.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp