14/04/2022 às 14h04min - Atualizada em 14/04/2022 às 14h04min

Dia Mundial do Café: Bebida é paixão no Brasil que é maior exportador do mundo

Brasileiro encontra no café energia e desenvolve novos produtos para cuidar da saúde

Fernando Moura

Jornal Pará Publicidade 790x90

Seja no trabalho, na aula ou em casa, o café sempre foi um dos melhores amigos do brasileiro. Com aquele cheiro inconfundível, a bebida atravessa gerações e encanta cada vez mais apreciadores que hoje se profissionalizam na degustação e produção artesanal do produto. A bebida é tão marcante que foi criada o Dia Mundial do Café, celebrado hoje, 14 de abril. A data foi criada pela Organização Internacional do Café com o objetivo de celebrar o consumo do grão em todo o planeta.

Comum em nosso dia a dia, o café chegou no Brasil por volta de 1700 e se tornou um dos produtos mais importantes para a agricultura brasileira. Só no ano de 2021 o Brasil exportou mais de 40 milhões de sacas de 60 kg de grãos, somando mais de US$ 6 bilhões de dólares para a economia, segundo dados apresentados pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa).

Para os consumidores, o café é uma das maiores tradições na mesa dos brasileiros. Com horários certos para o consumo, a psicóloga Lorena Bastos é apaixonada por café e explica a sua relação diária com a bebida. “Parece que o dia só começa com o primeiro gole de café. E não para por aí, sempre tomamos aquele café no meio do expediente para levantar o astral e no fim da tarde é sempre bom reunir com uns amigos para conversar e relaxar”, conta a psicóloga que percebe o hábito em todos os lugares que visita. “Já se tornou cultural as empresas disponibilizarem água e café para os seus clientes. Essa atitude revela a nossa relação com a bebida que é tão importante quanto a água, sendo fundamental para quando chegamos em um consultório, por exemplo”, finaliza a psicóloga.

Café de açaí previne doenças no Pará
Empresários apaixonados pelo café viram no caroço de açaí uma oportunidade de lançar um novo produto. Assim nasceu a Caffi de Açaí, uma alternativa mais saudável e regional de consumir a bebida. Para Alan Batista, o Caffi é um produto 100% natural que é produzido da mesma forma que o café natural. “A gente pega o caroço do açaí, trata, higieniza e torra da mesma forma que o tradicional. Com isso conseguimos elaborar uma nova bebida que contribui para a economia, meio ambiente e também para a saúde”, explica Alan.

Os benefícios do Caffi são inúmeros e abrem oportunidades para tratamento e prevenção de várias doenças. “Fizemos várias pesquisas com alunos de medicina da Universidade Federal do Pará (UFPA), no qual foi avaliado os benefícios do Caffi no tratamento do colesterol, diabetes, pressão alta e até no desenvolvimento de combate ao câncer”, finalizou.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp