17/03/2023 às 17h30min - Atualizada em 17/03/2023 às 15h04min

TCMPA vota em favor de denúncias sobre irregularidades em processos licitatórios de Bonito; veja acórdão

Rafael Miyake
Com informações do TCMPA

Jornal Pará Publicidade 790x90

Reprodução

O Tribunal de Contas dos Municípios do Pará (TCMPA) homologou, na última terça-feira (14), um relatório que votou pela procedência parcial da denúncia formulada por Rizoleia Fernandes dos Santos, em desfavor do prefeito do Município de Bonito, Michel Assad, sobre irregularidades em processos licitatórios. A denúncia havia sido admitida pelo relator em 16/06/2021, quando foi homologada pelo acordão nº 38.773/2021.

 

Segundo o conselheiro, a Controladoria constatou a ausência de comprovação de que o valor contratado é o preço praticado pelo mercado, bem como verificou que não houve comprovação da singularidade do objeto.

 

O setor técnico do TCMPA comprovou, também, a ausência de divulgação dos processos licitatórios em meio oficial do Poder Público.

 

Outra irregularidade constatada foi o estabelecimento, no edital, de critérios de habilitação restritivos, e que violam ou extrapolam a lei, além de ausência de realização de ampla pesquisa de mercado.

 

Pelas irregularidades comprovadas, o Tribunal aplicou multa pessoal ao prefeito, no valor de R$ 8.746,80, e enviará cópia dos autos ao Ministério Público do Estado para as providências cabíveis.

 

A decisão será publicada no Diário Oficial Eletrônico da Corte de Contas e comunicada à denunciante. Os autos serão anexados à respectiva prestação de contas para análise conjunta.

LEIA ACÓRDÃO:



 

ACOMPANHE O JORNAL PARÁ


Quer ficar bem-informado sobre os principais acontecimentos do Pará e do Brasil? Siga o Jornal Pará nas redes sociais. O JP está no Instagram, YouTube, Twitter e Facebook.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp