12/02/2023 às 10h00min - Atualizada em 12/02/2023 às 10h00min

Conheça alguns destinos paraenses para aproveitar o feriado de Carnaval longe da folia

Luciana Carvalho, estagiária sob supervisão do jornalista Yuri Maia

Reprodução
Anualmente, o Brasil realiza uma das maiores festas à céu aberto do mundo: o Carnaval. Mesmo assim, há muitos paraenses que não são fãs da folia ou mesmo os que gostam de variar na programação, por isso, nem sempre participam dos desfiles de blocos e escolas. Para os que preferem aproveitar esse feriado para viajar na direção oposta à folia, separamos algumas dicas de lugares no Estado que você pode curtir a paisagem e relaxar. Veja:

Alter do Chão


Em Santarém, um dos destinos que mais bombam no Verão, quem costuma abrigar pombinhos apaixonados é Alter do Chão. O balneário de águas doces é considerado o “Caribe Amazônico” por conta das praias fluviais que ficam às margens do rio Tapajós.



Ilha de Algodoal

A natureza bucólica da Ilha de Maiandeua, mais conhecida como Algodoal, abre espaço para a tranquilidade que reflete em suas águas calmas. De difícil acesso, a Lagoa da Princesa é um de seus atrativos, rodeada de cajueiros e ajuruzeiros.



Ilha de Marajó

A maior ilha fluviomarinha do mundo tem em seu território um pedaço quase intacto da floresta Amazônica. Partindo de Belém de barco ou balsa se chega à Soure, tida como “capital” do local. Belas praias, passeios exóticos a bordo de um búfalo, e comidas diferentes são alguns dos atrativos.




Ao sudoeste da Ilha está a pequena região de Breves, que tem paisagens rústicas em meio a rios, igarapés e furos. A cidade tem traços históricos, mas o mais bacana é explorar as regiões onde vivem as populações ribeirinhas.

Ainda dentro da ilha, não deixe de ir até Salvaterra, onde há a maior infraestrutura turística da região a 83 km de Belém. Barracas rústicas rodeiam a praia Grande, a mais famosa da cidade.

Salinópolis


Outra região que tem movimento intenso durante o Verão é Salinópolis, ou Salinas, como também é chamada. A praia do Maçarico e sua orla ficam lotadas de gente indo e vindo, dentro e fora dos bares e restaurantes. Outra que faz sucesso é a praia do Atalaia, uma das mais belas da região, com dunas gigantes e piscinas naturais na maré baixa.



Balneário Ecológico Bica

Próximo a Belém, este paraíso de água mineral contém cinco piscinas que divertem moradores e turistas. As águas minerais são comprovadas pela Indaiá. A região também conta com uma das melhores coisas que se encontra Pará: a comida exótica e típica.



Igarapé-Açu

A cerca de 100 km de Belém, a cidade de Igarapé-Açu se destaca pelo o que carrega em seu nome: os igarapés, point de banhistas e famílias em busca de lazer. O ponto alto é a Lagoa Azul, que encanta a todos com suas águas claras e cristalinas, rodeadas pela mata.



Serra das Andorinhas

O Parque Estadual Serra das Andorinhas, em São Geraldo, fica longe da capital paraense, a 680 km, mas vale a visita. Com 60 mil hectares, é cortado pelo rio Araguaia e abriga mais de 40 cachoeiras em meio a árvores amazônicas e ao cerrado. No circuito das águas, que começa no igarapé Sucupira, crianças e adultos se divertem em piscinas naturais e cachoeiras. Uma floresta com 200 espécies botânicas e 5 mil gravuras rupestres também faz parte do roteiro. Imperdível!



ACOMPANHE O JORNAL PARÁ
Quer ficar bem informado sobre os principais acontecimentos do Pará e do Brasil? Siga o Jornal Pará nas redes sociais. O JP está no Instagram, YouTube, Twitter e Facebook.
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp