10/08/2022 às 15h56min - Atualizada em 10/08/2022 às 15h56min

Vendas no varejo caem no Pará em junho

Pesquisa Mensal do Comércio define que as taxas de varejo alcançaram (-1,4%) no estado do Pará, no mês de Junho de 2022

Jefferson Machado, estagiário, sob supervisão de Yuri Siqueira, jornalista.

Jornal Pará Publicidade 790x90

A Pesquisa Mensal do Comércio publicada, hoje dia 10, pelo IBGE, define que as taxas de varejo alcançaram (-1,4%) no estado do Pará, no mês de Junho de 2022. A queda foi um pouco mais importante do que no mês março, cujo índice era de (-0,3%).

O estado do Pará, dessa forma, alcançou o décimo terceiro lugar na colocação dos estados brasileiros, estando atrás apenas de estados como: Minas Gerais (-7,7%); Roraima (-2,5%); Espírito Santo (-2,5%), São Paulo (-2,5%) e Amapá (-2,4%).

O mês de junho foi o segundo com maior queda dentro do período de 1 ano no estado do Pará, mantendo-se apenas atrás do mês de abril de 2022, qual o índice foi de (-4,9%). Por outro lado, os meses de maiores altas foram:  março de 2022 (5,4%); fevereiro de 2022 (2,2%), junho de 2021 (2,0); janeiro de 2022 (1,9%) e novembro de 2021 (1,1%).

Ainda, segundo o Índice de Volume de Vendas do Comércio Ampliado no estado do Pará, houve uma queda passando de (0-3%) e em maio para (0,4%) em junho de 2022. Agora quando se refere à variação acumulada do ano, o mês de junho, conseguiu o índice de (7,1%), tendo aumento, um pouco menor, do que em maio (8,1%). Já na mudança centralizada dos últimos doze meses, estabeleceu-se tarifas de (3,1%), para junho, chegando a pouca diferença quando igualada com o mês de maio, do qual o valor era de (3,4%).

O volume de vendas do comércio varejista caiu (1,4%) diante a maio com ajuste sazonal no Brasil. Dessa maneira, o acumulado no ano chegou a (1,4%), completando (-0,9%).

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp