30/08/2023 às 09h24min - Atualizada em 30/08/2023 às 09h24min

Auto do Círio abre inscrições para edição deste ano

Este ano, manifestação cultural celebra 30 anos. Tema desta edição será lançado em um pequeno cortejo na Praça da República no próximo domingo (3).

Carlos Yury - com informações de g1

Danielle Cascaes/Acervo Institucional/Auto do Círio/ ETDUFPA

As inscrições para o Auto do Círio 2023 estão abertas. Qualquer pessoa pode participar, basta preencher formulário on-line e ter disponibilidade para participar dos ensaios. Este ano, o cortejo cênico celebra 30 anos.

Os ensaios para o espetáculo serão realizados na Praça Felipe Patroni, no bairro do Comércio, de 18 de setembro a 5 de outubro, sempre às 19h. As oficinas disponíveis são de dança, teatro, música e de máscara.

Pastor evangélico é preso por suspeita de estuprar adolescentes

 

O tema do Auto do Círio 2023 será lançado no próximo domingo (3), na Praça da República, às 10h, por meio de um pequeno cortejo.

Trajeto

A concentração do Auto será na Praça do Carmo, às 19h, e segue pela Rua Dr. Assis até a Igreja da Sé, onde acontece a exortação em direção ao Instituto Histórico Geográfico (IHGP) para realizar o momento da coroação. O espetáculo finaliza em frente ao Museu do Estado do Pará (Mep), onde ocorre a "ascensão do manto" e homenagens a Nossa Senhora de Nazaré.

O Auto

O Auto do Círio é um cortejo cênico criado pela professora Zélia Amador de Deus e Margareth Refkalefsk, organizado pela Universidade Federal do Pará (UFPA) que reúne teatro, cantos, danças e músicas em homenagem a Nossa Senhora de Nazaré. O evento ocorre sempre na sexta-feira que antecede o domingo de Círio, que neste ano será no dia 6 de outubro.

O primeiro Auto do Círio saiu às ruas de Belém em 1993 para que artistas devotos homenageassem Nossa Senhora por meio do teatro de rua e também foi uma manifestação pedindo a revitalização do centro histórico da capital paraense.

ACOMPANHE O JORNAL PARÁ
Quer ficar bem-informado sobre os principais acontecimentos do Pará e do Brasil? Siga o Jornal Pará nas redes sociais. O JP está no Instagram, YouTube, Twitter e Facebook.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp