09/05/2022 às 10h15min - Atualizada em 09/05/2022 às 10h15min

Segurança da Igreja da Trindade agride homem em situação de rua

O caso foi registrado neste domingo, 8, em Belém. Arquidiocese informou que o homem é de empresa terceirizada

Mayra Leal

Crédito: Reprodução/ Redes sociais
Em vídeo que circula nas redes sociais, um segurança uniformizado com roupa de segurança eclesial ligada à Arquidiocese de Belém aparece agredindo aos chutes um homem, na praça da Igreja da Trindade, bairro da Campina, em Belém. 

No vídeo, o homem grita denunciando as agressões e pedindo ajuda inclusive para membros da igreja “ele tá me agredindo, ele tá me agredindo, padre”. De acordo com informações, o homem agredido seria uma pessoa em situação de rua. O caso foi registrado neste domingo, 8, dia das mães. 


O vídeo chegou inclusive  a ser compartilhado pelo Padre Júlio Lancellotti, sacerdote conhecido pela defesa do direito das pessoas em situação de rua, que classificou a situação como aporofobia (aversão aos mais pobres).



O Jornal Pará entrou em contato com a Arquidiocese de Belém, que disse ter recebido com tristeza a informação sobre o ocorrido e que já está apurando a situação. A Arquidiocese também informou que o homem é membro de uma empresa de segurança patrimonial terceirizada, que presta serviço para a Paróquia Santíssima Trindade, e que já solicitou o afastamento do envolvido. 

Em nota, a Arquidiocese de Belém também informou que “repudia toda e qualquer ação que fira com os princípios de vida e a integridade humana, principalmente atos de violência, seja física, psicológica ou verbal. Buscamos incansavelmente por meio de nossas pastorais e movimentos promover o bem-estar de moradores de ruas, pessoas abandonadas ou à margem da sociedade, independente de qual seja o motivo.”

O Jornal Pará também entrou em contato com a empresa de segurança, mas ainda não teve retorno.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp