04/10/2022 às 16h57min - Atualizada em 04/10/2022 às 16h57min

PRF participa do Círio de Nazaré pela 31º vez consecutiva no Pará

Yuri Siqueira
PRF/PA

Jornal Pará Publicidade 790x90

Polícia Rodoviária Federal (PRF) realiza na próxima sexta-feira (07), a escolta oficial da imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré, em um percurso de cerca de 70 km pelos municípios de Belém, Ananindeua e Marituba, durante a programação do Círio de Nazaré 2022.

Essa é a 31º participação consecutiva da PRF na operação de segurança do Círio de Nazaré, evento religioso que mobiliza milhares de pessoas no Pará. No ano de 2020 o traslado não ocorreu devido a situação crítica da pandemia de Covid-19 em todo o país. Em 2021 aconteceu de forma adaptada, com duração de apenas um dia em um trajeto ininterrupto.

Esse ano, na sexta-feira (07) ocorre o Traslado para Ananindeua e Marituba, que é a segunda romaria oficial da programação do Círio de Nazaré e a mais extensa em relação a percurso e tempo. A procissão terá início às 8h, com saída da Basílica Santuário, e deve terminar por volta das 18h, após a chegada da Imagem Peregrina no município de Ananindeua (PA), em um percurso de aproximadamente 50 km.

No sábado (08) ocorre a Romaria Rodoviária. O percurso terá aproximadamente 20 km de itinerário, saindo da Igreja Matriz de Ananindeua por volta das 5h30 e chegando no trapiche de Icoaraci às 8h30, onde a imagem embarca para a Romaria Fluvial.

Ao longo dessas horas, o traslado deve envolver mais de um milhão de pessoas. Todo o percurso tem organização da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A operação de segurança das romarias rodoviárias do Círio 2022 envolverá cerca de 90 servidores da PRF em um total de 52 viaturas, sendo 42 motocicletas e 10 carros em deslocamento com velocidade média de 10 km/h a 15 km/h.

Além dos policiais rodoviários envolvidos, as romarias rodoviárias contarão com o apoio de motociclistas do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (DETRAN/PA) e do Batalhão Águia da Polícia Militar, totalizando mais de 150 servidores envolvidos diretamente com a escolta da imagem peregrina.

Outros órgãos também participarão da operação: Guarda Municipal de Belém (GMB), Guarda Municipal de Ananindeua (GMA), Guarda Civil de Marituba (GCM), Polícia Militar (PM), SEMUTRAN e SEMOB. O Corpo de Bombeiros também vai atuar durante as romarias rodoviárias, cuidando das passarelas e fazendo vistorias para garantir e interditar eventuais que ofereçam riscos devido a concentração de pessoas durante o percurso.

 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://jornalpara.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp